segunda-feira, 9 de março de 2009

Fenômeno

Infelizmente, para nós, palmeirenses, foi contra o Verdão, mas a verdade é que não haveria melhor retorno do Fenômeno do que um gol no principal rival do Corinthians. E de cabeça, ainda por cima. Não foi um acaso, como ficou demonstrado pela bola na trave em um chute de fora da grande área e uma jogada de linha de fundo que seu xará gaúcho há muito não faz. Gordo, baladeiro, Ronaldo Nazário levou a campo seu imenso talento para jogar futebol mostrando que ainda é melhor que praticamente todos os jogadores em atividade no Brasil. Quando aguentar jogar 90 minutos então...

Um comentário:

Bárbara disse...

...ridicula a comemoração do gol....