quinta-feira, 19 de junho de 2008

Dunga na berlinda


Se considerarmos somente as partidas contra a Venezuela e Paraguai, até que o Brasil não jogou tão mal ontem contra a Argentina. Só que levando em conta que desperdiçamos preciosos pontos em casa, que dificilmente recuperaremos em Buenos Aires, aí a coisa pega.

O descontentamento com Dunga já é geral. Mas dois fatores podem segurar o técnico até setembro, ]data dos próximos jogos das eliminatórias. Primeiro, são os Jogos Olímpicos. Está em cima da hora para escolher um novo teinador para disputar a únia competição importante que a Seleção Brasileira nunca ganhou. Segundo, a falta de nomes. O sonho de consumo da CBF e da torcida brasileira é Luis Felipe Scolari, que acaba de assinar um contrato milionário com o Chelsea. Restam Luxemburgo, que sofre resistências de dentro da CBF; Paulo Autuori, que não conseguiu liberação de seu clube árabe para voltar ao Brasil; e, talvez, Murici Ramalho, que é muito independente para o gosto de Ricardo Teixeira, sem falar que por enquanto está bem no São Paulo.

Mas estou botando uma grana que Dunga não será o técnico do Brasil na Copa da África do Sul.

Um comentário:

Bárbara disse...

sai pra lá Dunga