quarta-feira, 23 de julho de 2008

Clip Festival


Foram anunciadas hoje as atrações do Clip Festival, que acontece dia 24 de agosto no Estádio do primavera. Em entrevista coletiva no Centro de Apoio ao Turista (CAT), o priprietário da Clip FM, Ivo Rocha, anunciou que a banda local Estado de Emergência abrirá para o NX Zero, que será seguido por Detonautas, Planta e Raiz, Ramada, Kasino Strike, Mister Jam e o Capital Inicial encerrando o evento. As cinco últimas foram reveladas após um suspensezinho, da forma como está na foto, com as moças que divulgarão o festival mostrando as costas da camiseta. Segredo de polichinelo, já que a apresentação em Indaiatuba constava da agenda no site do Capital Inicial...

Ivo explicou que a mudança do Indaiatuba Clube para o Estádio Ítalo Limongi surgiu da necessidade de um lugar maior, já que a edição do ano passado deixou, segundo ele, mil pessoas do lado de fora. Meses atrás, o então presidente do Indaiatuba Clube, Carlos Waldir De Gennaro, me disse que tinha sido intimado pela Clip FM para explicar no prazo de 48 horas porque a diretoria havia negado o pedido para realizar de novo o festival no clube este ano.
Rodrigo, filho de Ivo, citou o Rock'n Rio como pioneiro dos festivais em estádio. Também não é verdade, já que a Cidade do Rock em Jacarepaguá foi construída só para o megaevento e não um era um estádio esportivo. O primeiro grande show de rock com uma banda internacional em estádio de futebol foi com o Queen, em 1981 no Morumbi.

O fato é que por conta da perda do Indaiatuba Clube como sede do Clip Festival, a cidade ganha um megaevento de rock, que vai começar lá pelas duas da tarde e terminar no máximo às onze horas da noite. As arquibancadas do estádio não serã usadas e apenas o gramado e um camarote a ser montado abrigarão o público. Haverá também uma praça de alimentação para abastecer a galera durante todo o dia. Pulseiras identificarão os maiores de idade, permitindo-lhes a compra e consumo de bebidas alcóolicas. Oitenta seguranças vão garantir a diversão sem atropelos.
O palco será o maior já erguido na cidade, com dimensões de 20 metros de extensão por 15 metros de largura, para permitir que as atrações seguintes se preparem enquanto a anterior ainda está se apresentando. Um primeiro lote de ingressos será lançado com preços na pista a partir de R$ 30 e no camarote a partir de R$55.

Preocupa-me, entretanto, ver um projeto ambicioso desses com uma estrutura de comunicação tão fraca. Estavam presentes apenas jornais da cidade, e nem todos por sinal. Apenas uma estagiária segundanista repondia pela assessoria de imprensa e não havia release disponível. Ah, é pra ver no site? Então pra que a coletiva? Também nenhuma TV registrou a entrevista, que coisa, né?

3 comentários:

Kleber Patricio disse...

Quem com ferro fere, com ferro será ferido"...

Bárbara disse...

Hummm gostei do último paragrafo.

Jair disse...

Pois é... Para quem se julga uma versão nômade do Chatô, esses fatos narrados no post são bem propícios para comprovar que o cara é só chato mesmo!
Como diz um amigo meu, quando o assunto é eleição: nada como uma para dar a devida proporção e importância ao sujeito, em casos como esse se aplica a mesma regra a argumentos diferentes.
Anauê!!!